Seguindo com a série de posts aqui no blog sobre os nossos 7 principais chakras, falaremos neste texto um pouco mais sobre o primeiro deles.

Localizado na base da nossa coluna vertebral, na região do cóccix, este centro de energia vibra na cor vermelha, e nos conecta com o elemento TERRA e com o mundo material. Também é chamado de chakra básico, chakra raíz ou Muladhara (nome em sânscrito).

Sobrevivência, aterramento e corpo

Sua energia está relacionada com nossos instintos mais básicos de sobrevivência: a forma como nos alimentamos, a qualidade do nosso sono, o espaço onde moramos e nos abrigamos e a saúde do nosso corpo físico.

Se nosso corpo energético fosse uma árvore, o primeiro chakra seria a raiz. Ele nos conecta com a força e vitalidade da natureza (Mãe Terra) e também nos conecta com força da nossa ancestralidade. É o espaço onde processamos medos, traumas e memórias de infância, e também onde construímos nossa sensação de segurança.

Diferentemente dos chakras superiores, que são muito ligados a energia sutil e a espiritualidade, o primeiro chakra nos liga ao mundo concreto e material. E o que mais importa para a saúde deste centro de energia é a nossa capacidade de ter uma boa relação com o nosso corpo físico, com a matéria (inclusive com dinheiro) e com a natureza.

Outra função importante deste chakra é nos trazer aterramento. Ou seja, a capacidade de estarmos presentes no aqui e agora, e com muita consciência do nosso corpo físico, seus movimentos e interações com o ambiente que nos cerca. Vale destacar também que é no nível do primeiro chakra que os nossos projetos e ideias se materializam.

Como está sua relação com o primeiro chakra?

Para ajudar nesta reflexão, sugerimos aqui algumas perguntas:

– Com que frequência você pratica exercícios físicos?

– Sente-se com disposição e vitalidade?

– Ama o seu corpo? Cuida dele?

– Consegue colocar em prática ideias e projetos?

Quer saber mais sobre os chakras? Baixe aqui um infográfico super especial que a Escola da Aura preparou pra todos.

E acompanhe a série #ForçaDosChakras aqui no blog. No próximo post, falaremos sobre o segundo chakra.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *