Seguindo com a série de posts #ForçaDosChakras aqui no blog, sobre os nossos sete principais centros de energia, falaremos neste texto sobre o quarto deles. Localizado na região central do peito, este chakra vibra nas cores verde e rosa, e nos conecta com o elemento AR e com o nossa capacidade de dar e receber AMOR. Também é chamado de Anahata (nome em sânscrito) ou chakra cardíaco.

Amor, perdão e empatia

A energia do quarto chakra está relacionada com nossa capacidade de AMAR em muitos níveis. A cor verde está mais relacionada com o amor humano, aquele que nos convida a amar a nós mesmos e ao próximo, o combustível dos nossos relacionamentos. E a cor rosa remete a um amor divino e à nossa capacidade de amar incondicionalmente, que nos conecta com a devoção e a capacidade de PERDOAR. Assim como o segundo chakra, ele tem uma energia predominantemente feminina (Yin) e evoca acolhimento, auto-cuidado e ACEITAÇÃO.

O quarto chakra representa um ponto central no nosso sistema energético. Abaixo dele estão os três primeiros chakras, que se relacionam com a terra, prazer, trabalho e nossa atuação no plano material. E acima dele estão os três chakras superiores, que têm energia mais sutil e nos conectam com o mundo espiritual. Uma das importantes funções é nos trazer EQUILÍBRIO – entre nossa humanidade e nossa fé, entre razão e emoção. É também chamado por alguns de chakra crístico, porque é o amor que nos lembra que somos humanos e, ao mesmo tempo, seres divinos.

No nosso corpo físico, este centro de energia está intimamente ligado ao pulmão e ao coração. Por isso, uma forma potente de ativar e equilibrar a energia deste centro é através da RESPIRAÇÃO. Com ela, podemos acalmar a mente e descansar as emoções mais latentes. No campo emocional, ele também está conectado com a nossa capacidade de se colocar no lugar do outro e ter empatia, o que pode ser um importante passo para o perdão.

Divindades que representam a COMPAIXÃO, como a mestra ascensionada Kuan Yin, podem sempre nos ajudar a nos conectar com a energia deste centro energético tão amoroso.

Como está sua relação com o quarto chakra?

Para ajudar nesta reflexão, sugerimos aqui algumas perguntas:

– Você se ama?

– Tem facilidade em aceitar os outros como são?

– Consegue perdoar a si mesmo e aos outros com facilidade ou fica guardando mágoas?

– Sente-se uma pessoa equilibrada?

– Como está a saúde do seu sistema respiratório?

Quer saber mais sobre o assunto? Baixe aqui um infográfico especial que a Escola da Aura preparou.

E acompanhe a série #ForçaDosChakras aqui no blog. No próximo post, falaremos sobre o nosso quinto centro de energia.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *